Review P4 Daicaling Standard

 
Marca: Ling Ling D'Amour
Modelo: P4 Daicaling
Composição: Algodão Orgânico 
Tamanho: Standard, desde 6kg até 18kg (aproximadamente)
Cor: Titânio

Olá malta, como estão? Então hoje venho vos falar da mochila P4 da Ling Ling D'Amour.

Esta mochila veio gerar algumas controvérsias aqui em casa, vou vos contar o que aconteceu. A mochila chegou e assim que se olha para ela vemos que é simples, que os ajustes são fáceis, as cores são neutras, o que para o meu gosto não vejo problema algum até porque assim uma pessoa não enjoa e ela cai bem com qualquer roupinha.

A nível de características a mochila tem um cinto duro, aliás na minha opinião demasiado duro o que acaba por ser super desconfortável para pessoas fofinhas como eu e com uns chumbinhos a fazer peso. Então é aqui que se inicia a "discussão", o cinto incomodava-me e eu queria muito ver a mochila em outro corpo e um bebé pequeno uma vez que segundo a marca ela é evolutiva e vai desde 6kg até 18kg aproximadamente. Então a Ana vai em busca de um bebé mais pequeno e lá tive a sorte de encontrar uma querida que quis me aturar. 

A Adriana veio aqui um dia a tarde gentilmente com a sua princesa de 2 meses e experimentou a mochila, adivinham o que aconteceu? Simplesmente ficou perfeita. A Adriana de figura esbelta que não parece nem um pouco que acabou de parir, usou a mochila com a princesa e caiu-lhe que nem uma luva.

Quando vejo pessoas a questionar sobre se esta marca é melhor que aquela, ou sugerir X Y Z , isso é muito muito relativo, principalmente no que toca a mochilas. Cada corpo é um corpo e o que assenta bem em uma pessoa não significa que vá ser boa para a outra. Esta mochila foi um exemplo disso, eu não gostei, não me senti confortável com ela pois o cinto magoava-me, no entanto a Adriana adorou e não foi só ela, o meu maridão também experimentou e gostou.

No que toca a estrutura, a mochila tem um tecido relativamente maleável, as alças são bastante almofadadas o que confere um bom conforto nos ombros. É ajustável em altura e em largura através de cordões. Neste aspecto acho que o que segura os cordões no ajuste em altura do painel não são suficientemente firmes pois com um ligeiro puxão o painel abre facilmente sem se mexer lá.

Uma das qualidades que me agradou no cinto foi a fivela de três pontas, que lhe confere bastante segurança. As alças não têm fivelas, são fixas, não permite que ao usar com o bebé na frente possamos cruzar as alças nas costas e têm sempre que ser usadas em paralelo. Outro ponto interessante para uma mochila evolutiva é que além de se poder ajustar o painel em largura, o cinto também ajusta, ou seja, para pessoas bem magras o cinto é facilmente ajustável ao seu corpo. Para finalizar acho que a relação qualidade/preço da mochila é boa, pois é uma mochila com um valor acessível.

Sendo assim me despeço e aguardo vocês numa próxima review, beijinhos meus e do meu Piratinha.

Ana Rodrigues

(Fotos: Eduardo Ramos - https://www.facebook.com/eduardoramosmultimidia/)