Paula Agnello

Olá vou contar um pouco da minha historia hoje sobre como idealizei o método e minha trajetória de vida após o babywearing.
 
O meu nome é Paula Agnello, sou Brasileira, tenho 39 anos e há 4 anos idealizei um método inovador com carregadores para bebês mais conhecido como Baby Fusion. 
Sou educadora física, fui bailarina clássica na juventude e a minha paixão sempre foi dançar. Também trabalhei com produção artística dentro de um circo montando coreografias e espetáculos durante três anos. Tenho um estúdio de Pilates no Brasil à 15 anos e nesse tempo tinha as minhas duas meninas pequenas sempre levando uma rotina diária entre casa, trabalho e cuidados com as crianças mas sentia que faltava algo em minha vida.
 
 
Em todos os meus puerpérios senti muito a necessidade da atividade física, tive altos e baixos como qualquer mulher, hormônios alterados, dúvidas e culpas que surgiam ao longo do tempo com o bebé novinho. Após meu terceiro filho, Francisco, hoje com 5 anos de idade, ganhei um sling de uma amiga logo que sai da maternidade. Nesse período passei por uma separação e me encontrei sozinha com três crianças para sustentar, meu estúdio estava com professoras me substituindo nesse período. Foi quando encontrei o caminho do babywering, amarrei Francisco no sling com apenas 3 meses e voltei para dentro da sala de aula, retomei as aulas de pilates, jazz dance e todas as minhas turmas no estúdio.
 
 
Nesse momento estudei todas as possibilidades que poderia encaixar ele na minha aula.
 
Criei uma amarração adequada para os movimentos, o jazz dance por ter contrações, jogos de quadris e braços arredondados fluía perfeitamente para o fortalecimento de pelves, abdômen e braços das recém mães.
 
Introduzir o pilates foi uma ideia fundamental pela contrologia e a respiração, trazendo consciência corporal e movimentos de solo e reeducação postural para as mamães. Também adaptei alguns exercícios de desenvolvimento motor dos bebês ensinando rolamentos e movimentos simples mas grandiosos dentro do desenvolvimento infantil. Observando as mamães se movimentarem também recebiam estímulos durante as aulas. Outros benefícios são musicalização, enxergar outros bebés no mesmo ângulo sem estar em um carrinho ou sempre deitado no colo e todos os benefícios do vinculo entre mamãe + bebé + sling.
 
Nessa semana de estudos, convidei uma amiga para fazer uma aula teste que tinha montado e criado, que era dividida em 9 momentos:
 
- Alongamentos;
- Jazz dance;
- Dança circular;
- Meditação ativa e conexão com o bebé;
- Pilates;
- Canto;
- Brincadeiras musicais;
- Estímulos dos bebés (neuropsicomotricidade);
- Roda de conversa e integração entre as mamães.
 
 
Ela ficou muito feliz, se sentiu bonita por dentro e por fora, aumentando a sua auto estima, se sentiu capaz por sair com o seu bebé sozinha de casa, se sentiu acolhida, se sentiu mais próxima fortalecendo o vinculo com o seu bebé.
 
O Baby Fusion foi um divisor de águas para mim e para todas as mulheres que passaram pelo método nesses 4 anos pois encontrei dentro desse trabalho uma terapia para mim. Ajudar outras mães, ensinar a amarrar o sling corretamente e essas mamães  levarem para casa e para vida essa experiência. Elas precisavam da minha força e experiência dentro de um período de mudanças em minha vida. Assim foi uma realização pessoal e um trabalho feito com amor dentro de um período de superação pessoal eu só tenho a agradecer pela confiança dessas 300 mulheres e bebês que passaram pelo Baby Fusion e pela minha vida.
 
 
Hoje temos 6 profissionais formados pelo método, 4 profissionais que me acompanham como neuropediatra, psicóloga e fisioterapeuta acrescentando e melhorando a cada dia na atualização de professores.
 
Estive em Portugal, em setembro de 2018, fruto de uma amizade com Sandra Matos do babyoga que me fez um convite para dar um workshop para seus professores.
Também neste período conheci Marilia Pereira do blog O Bebé Sabe e Patrícia Soutinho do espaço O Ninho Do Bebé que foram pessoas maravilhosas, com uma enorme sensibilidade aonde fiz oficinas para gestantes, mamães e bebés e hoje temos uma grande amizade. Sou muito grata por essas lindas Portuguesas.
 
Então a pedidos volto em janeiro para dar o curso de formação para professores e fica aqui meu contato Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. caso houver algum interesse.
 
 
Nenhuma mãe deve cuidar do seu filho sozinha e o Baby Fusion traz a música, dança, amizade e o acolhimento dentro de uma aula no período que estamos mais sensíveis e com muitas mudanças físicas e emocionais.  
 
O Baby Fusion, hoje, é estudado por profissionais que entraram em contato comigo por escutarem relatos de mães que superaram uma depressão, emagreceram, o bebé que nasceu prematuro teve um desenvolvimento muito rápido e etc.. Viveram uma maternidade mais leve e se reencontraram dentro da música e da dança junto com o seu bebé.
 
 
O babywering é vida e junto com outras mulheres somos ainda mais fortes.
 
Paula Grupe Agnello
 
 
 
Videos sovre Baby Fusion: